GE-HEI - Igualdade de Género nas Instituições de Ensino Superior

Portugal, em comparação com os países da OCDE, tem um número elevado de mulheres com graus avançados de formação (licenciaturas, mestrados e doutoramentos) e também um número comparativamente alto de investigadoras em áreas tradicionalmente masculinizadas, como as ciências, as tecnologias e a matemática. No entanto, essa participação baixa muitíssimo em lugares de gestão nas Instituições de Ensino Superior (IES) e em posições mais elevadas da carreira académica (Direções de departamentos, Reitorias, Vice-Reitorias  Professoras Catedráticas, entre outras). Compreender os factores que contribuem para explicar estas e outras desigualdades no Ensino Superior, para melhor as identificar e combater, constitui um dos objetivos deste projeto de investigação que procurará analisar de forma extensiva e intensiva estes fenómenos, bem como elaborar um conjunto de recomendações para o desenvolvimento de critérios de igualdade de género nas IES.

O projeto GE-HEI,  financiado pelo Mecanismo EEAGrants 2014-2021, enquadra-se no Objetivo 5 do Desenvolvimento Sustentável, referente à Igualdade de Género, da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas e tem como principais objetivos identificar os fatores que explicam as desigualdades de género, bem como desenvolver novos conhecimentos, ferramentas e metodologias que possam apoiar a promoção da igualdade no sistema de ensino superior em Portugal. 

Este projeto é promovido pela Direção-Geral do Ensino Superior (DGES), tem como entidade operadora a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIEG), e como responsável científico o Centro Interdisciplinar de Estudos de Género (CIEG), em parceria com a A3ES - Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior e o RIKK – Institute for Gender, Equality and Difference, University of Iceland. 

A equipa do CIEG é coordenada por Anália Torres e conta com a participação de Bernardo Coelho, Diana Maciel,  Fátima Assunção, Paula Campos Pinto e Sara Merlini.

Pode consultar o website do projeto, aqui.