BO(U)NDS - Laços, Limites e Violência: Estudo longitudinal de programas de prevenção da Violência de Género em contexto escolar

O projeto BO(U)NDS pretende realizar um estudo longitudinal com base numa metodologia mista e na comparação hermenêutica entre Portugal, Alemanha, Reino Unido, Grécia e Brasil. Os pressupostos são de que um programa de intervenção na escola com crianças, adolescentes e jovens é mais eficaz e tem efeitos a longo prazo se os conteúdos focarem as bases estruturais e culturais de género e violência doméstica, se forem adequados ao desenvolvimento da criança e se usarem abordagens pedagógicas holísticas e criativas. As intervenções nas escolas podem ser baseadas em ações normativas, ações afirmativas ou ações transformadoras (Arnot 2009).

O projeto BO(U)NDS pretende compreender de forma aprofundada sobre o que funciona na prevenção primária para ter efeitos a longo prazo na vida dos/as jovens. Com base em grupos focais e narrativas biográficas com jovens que já frequentaram, recentemente e há mais de cinco anos, programas de prevenção de violência de género em contexto escolar, pretende-se compreender quais são os obstáculos e os sucessos da integração dos valores de não violência e igualdade de género na vida destes/as.

Concomitantemente, professores/as, facilitadores/as e decisores/as de políticas educacionais serão questionados/as sobre as dificuldades e possibilidades de implementar programas holísticos, sistemáticos e eficazes de prevenção de violência de género em escolas.

O projeto é promovido pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto e financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT). A coordenação está a cargo de Maria José Magalhães.